Sonhos em fuga

Caminho pela madrugada e atravesso grandes espaços de ruas totalmente sem iluminação. Estranhamente, não sinto medo, muito provavelmente por não ser um homem da noite, não ser uma espécie de lobo. Dia desses me perguntaram como conjugo minha insônia renitente com minha afirmação de que “não sou um homem da noite”. Creio que expliquei que um homem da noite se diverte nas madrugadas e um insone crônico, sofre. Josué Montello me contou que sofria de uma insônia terrível. Chegava do trabalho em casa… jantava… conversava com sua mulher, ficava com ela até que dormisse. Depois levantava-se ia para o escritório e escrevia a noite inteira, escrevia à mão, num caderno para que o barulho da máquina de escrever não incomodasse a esposa. Esta, em retribuição, durante o dia datilografava todo o material de Josué. E assim, ele escrever mais de cento e cinqüenta livros!

Se eu tivesse talento, faria como ele, escreveria muitos livros. Na falta de talento, resta-me ler, assistir televisão ou contar carneirinhos. Aliás essa história de contar carneirinhos é o conselho mais vil que se pode dar a uma criança. Adultos são sempre vilões de crianças.

Aproveito o final de semana para colocar a leitura de alguns livros em dia e acompanhar na internet notícias dolorosas como a morte de Zélia Gattai. Não exatamente pela morte porque esse é o futuro de todas as criaturas que se aventuram em viver, mas por contar com menos um artista que me faça surfar na onda das reminiscências.

Anúncios

2 Responses to “Sonhos em fuga”


  1. 1 Mr. Almost 18/05/2008 às 10:41

    Claro que você tem talento! E muito! O seu mal é achar sempre que é tarde demais, como se cada madrugada fosse um final e não um começo – uma alvorada – de outro dia.

    Abraço, Geraldão!

  2. 2 K. - incompletudes.wordpress.com 18/05/2008 às 3:02

    Na falta de talento, meu querido, a gente costumava a beber nas madrugadas!!! :P

    ando “intrátavel”… mas, precisamos combinar nossas “noitadas” virtuais..rs..

    beijo,


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Ela…

Ela...

Trocas

e-mail



Mini blog



"A descoberta do Prozac criou um universo de eunucos felizes"

"É-nos impossível saber com segurança se Deus existe ou não existe. Por isso, só nos resta apostar. Se apostarmos que Deus não existe e ele existir, adeus vida eterna, Alô, danação! Se apostarmos que Deus existe e ele não existir, não faz a menor diferença, ficamos num zero a zero metafísico" Albert Camus

Visite:
wwwgeraldoiglesias.blogspot.com

""Deve-se ler pouco e reler muito. Há uns poucos livros totais, três ou quatro, que nos salvam ou que nos perdem. É preciso relê-los, sempre e sempre, com obtusa pertinácia. E, no entanto, o leitor se desgasta, se esvai, em milhares de livros mais áridos do que três desertos."
Nelson Rodrigues

Tempo…

maio 2008
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

%d blogueiros gostam disto: